Você está aqui
Home > Arte e Cultura > Cultura nordestina é tema de marca de roupa criada por jovem de Euclides da Cunha

Cultura nordestina é tema de marca de roupa criada por jovem de Euclides da Cunha

Tem aumentado cada vez mais o número de pessoas que busca expressar a sua identidade, crenças e valores que defendem através das roupas que vestem. Em Euclides da Cunha e região, a recém-criada marca Casebre de Palha tem sido responsável por colocar em movimento nas ruas muitos elementos da cultura nordestina e regional.

Foto: Fabíola Moura (blog Família que Viaja Junto)

São camisas que destacam personagens como Antônio Conselheiro, Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Lampião e Maria Bonita e imprimem algumas características próprias, uma releitura e design assinados pela marca.

Quem está por trás da ideia e deu vida à marca foi o jovem Celso Junior, amante da cultura popular nordestina. Desde os 14 anos ele tem contato com a técnica Silk Screen, também conhecida como serigrafia, um dos processos mais comuns para estampar camisetas. As influências vêm de dentro de casa: sua mãe tem uma fábrica de roupas e seu pai é artista, pintor. “Quando eu lancei as estampas foi para colocar em evidência o Nordeste, por uma questão de identidade, é uma coisa que está próxima de mim, que eu tenho uma paixão particular”, explica Junior ao Resenha Local.

Mesmo já produzindo há algum tempo peças para consumo próprio, a ideia de lançar uma marca só surgiu mesmo depois que uma amiga o convidou para confeccionar algumas peças e expor no 9º Festival do Umbu, evento realizado em 2017 no município de Uauá, vizinho a Euclides da Cunha. Depois de muita insistência, ele aceitou o convite, levou cerca de 40 camisas e o resultado o surpreendeu. “O que mais me tocou foi ver as pessoas procurando conhecer o produto, comprando e fazendo elogios, dizendo que elas sempre buscavam um estilo de camisa que trouxesse alguns aspectos da caatinga, do sertão, do Nordeste, e aí resolvi dar continuidade à produção, porque, a princípio, eu só ia produzir para o festival”, lembra.

Desde então, Junior conta que a Casebre de Palha foi ganhando mais forma e expôs o produto também no São João da cidade, onde, segundo ele, a venda foi recorde, além de o produto ter sido bem aceito em outras cidades.  Responsável por todas as etapas de confecção das camisas, ele adianta que vai contratar artistas especializados para elaborar as imagens, sem deixar de lado a qualidade e o aspecto criativo, que são o diferencial da marca.

Além da produção de estampas sobre elementos mais populares da cultura nordestina, a Casebre de Palha também lançou mão da representação de artistas regionais, como Renan Mendes e Zé Calu. Esse ano, a marca homenageou Pedro Sertanejo, músico euclidense responsável por introduzir o forró em São Paulo e dono de casa de show que recebia sempre a presença de nomes como Luiz Gonzaga, Dominguinhos e Jackson do Pandeiro. “Essa figura merecia essa homenagem e essa é a proposta da Casebre de Palha, de divulgar o Nordeste sem fugir de outras figuras regionais e que talvez não sejam conhecidas Brasil afora”, acrescenta.

Ana Júlia, estudante que teve vídeo viralizado na net, gostou das estampas

O produto tem agradado os clientes. Quem comprou, elogia. “Nós adoramos. Não vemos a hora de inaugurar nossas novas camisas com temas inspirados no Nordeste. Vamos contar mais lá no blog sobre esse conceito inovador de vestir-se com arte”, postou Fabíola Moura, do blog Família que Viaja Junto.

Em curto prazo, Junior anuncia a criação de uma coleção especial com foco na cultura africana e que será ilustrada com personagens históricos como Dandara e Zumbi dos Palmares. Além de atender Euclides da Cunha e região, mercado que está carente deste tipo de produto e é exigente, ele lança os olhos para o futuro e vislumbra a inserção da marca em outros mercados, a exemplo de São Paulo.

As peças da Casebre de Palha são vendidas entre R$35 e R$40. Para comprar ou encomendar alguma é necessário entrar em contato direto com Junior pelo telefone/WhatsApp (75) 99934-7732 ou através da página da marca no Facebook. A marca possui um correspondente em Salvador.

Resenha Local

Deixe uma resposta

Top